sexta-feira, 6 de maio de 2011

Poéticas do Concreto e Identidade I: Plástico

“Ocupar para se apoderar. Tomar o espaço. Dilatar o tempo. Esse é o desafio do Ponto de Cultura Diálogos com os Mundos – Territórios e Estratégias: ocupar artisticamente lugares fora do comum, levando a experiência estética onde o público está, causando um estranhamento nos sentidos, um despertar do olhar sobre a cidade.

Na rua, personagens se encontram com as pessoas e dividem por poucos minutos, em meio à pressa cotidiana, um pouco de poesia, sonho, desejos e angústias em um tempo-espaço inusitado, fora do lugar comum.
Na parede de concreto, a cidade se desvenda em personagens anônimos e paisagens cruéis, carentes do olhar”


A ocupação da cidade se dá em dois momentos: no primeiro, a experiência artística da performance é registrada em vídeo e depois editada no experimento vídeo-gráfico “Poética do Concreto” em que se experimentam a violência, o tempo dilatado pelos relógios ambulantes, e a música do artista anônimo que posteriormente são exibidos para os transeuntes; no segundo, a dança-teatro vem mostrar os absurdos e as situações cotidianas em “Identidade I: Plástico” realizado em meio à correria do dia-a-dia do terminal rodoviário.
Nosso objetivo: o estranhamento do olhar e a identidade do público que passa, que assim com os personagens passa por mais um dia em meio ao concreto e a fumaça dos escapamentos.

Identidade I: Plástico
dias e horários: 09/05 às 09:12; 12/05 às 16:27; 14/05 às 11:47; 17/05 às 18:14; 20/05 às 12:15

Poéticas do Concreto
Exibições: 11/05 às 18:17; 13/05 às 22:05; 16/05 ás 20:20; 18/05 às 19:21; 20:05 às 21:32


Local: Terminal Central de Ônibus de Mogi das Cruzes

Um comentário:

Julio Seidenthal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.